Ícone do site Indiana Bows Arqueria

Conceitos sobre arcos primitivos e laminação

Fala pessoal! Beleza?

Pensando aqui sobre o site, e sobre a área de blog, vi que estavam meio “abandonados” e sem muitas atualizações.
Não só isso… notei também que tudo isso aqui pode ser uma boa ferramenta. Muito útil, principalmente, pra responder algumas questões recorrentes que chegam pra mim.

Essa questão mesmo sobre como trabalhar com a madeira, afim de fazer arcos “primitivos”, ou sem laminação alguma, ou mesmo sobre “Porque usar laminação?” são coisas que vez ou outra chega até mim.

Vou deixar alguns detalhes sobre isso então, que é basicamente uma releitura de coisas que já escrevi no passado sobre esses assuntos.

Então vamos lá.

Primeiramente: Sobre curvar a madeira com agua fervente / vapor (ou com uma HeatGun).

É uma prática bem comum, e funciona igual a qualquer outra… Vai daí da preferência de cada um em escolher qual é a melhor pra si.

A diferença entre curvar usando calor, e o uso de madeira / fibra / molde pra manter o arco no formato certo, Bom… aí precisamos elaborar um pouco mais.

Basicamente… não importa o que vc cole. Seja fibra / madeira / bambu / tecido / couro / sisal / papel / etc… Se vc cola duas ou mais camadas no molde, a tendencia é que a colagem dos materiais que vc colou adquira o formato do molde.

MAASSS… ( como tudo tem um “mas”) Isso não implica que depois que vc retirar do molde, o material vai ficar no formato dele…

Por que??

Simples… pense em um cabo-de-guerra…

Se vc coloca 4 pessoas pra competir contra uma, a menos que aquela pessoa seja mega-forte, as outras 4 vão puxar e ganhar o jogo, correto?

O mesmo acontece aqui… se vc coloca uma camada fina de bambu no backing pra segurar uma boa lâmina de ipê, é claro que a força do ipê vai conseguir puxar boa parte da curvatura imposta pelo bambu. Porque ele tem mais força fazendo para voltar à posição natural, do que o bambú para manter ele curvado.
Agora… Se vc divide esse ipê, em por exemplo 2 camadas ( uma mais fina logo atrás do backing, e outra um pouco mais grossa na barriga do arco ) já serão 2 linhas de colagem:
O bambu, a camada fina de ipe e a camada grossa de ipe…

ou seja, vc com isso passa uns participantes para o lado da equipe do bambu (no cabo de guerra).

E assim continuamente… quanto mais camadas (colagens), mais forte é a equipe que mantem o arco no formato do molde.

Em segundo lugar, em relação a fibra de vidro, ela tem a função de proteger as costas do arco evitando que levante alguma lasca de madeira alí (O bambu / tecido / couro / etc usado no backing tem esse mesmo papel).

Essa é a função primordial do backing.

(sobre o belly a função da fibra de vidro é basicamente evitar que a madeira se comprima a ponto de esmagar as fibras da madeira)

A fibra (o bambú, e algumas madeiras mais elásticas tbm) são um caso à parte, pois as fibras de ambos sendo unidirecionais, fazem com que a resistência do arco seja elevada, e também aumentam a velocidade do tiro.

Já os outros backings são só pra proteção mesmo…

Você pode até fazer um arco sem precisar colocar nada… mas aí o buraco é mais embaixo… pois vc tem que ter uma madeira adequada e tem que trabalhar ela de modo a não violar os aneis de crescimento da árvore no backing.

Tá… não ficou legal essa explicação, deixa eu “desenhar” pra facilitar o entendimento… E como não me lembro de ter visto esse tipo de material por aqui em nenhum lugar detalhado, é até bom pois já passou da hora da galera entender realmente isso.

A estrutura básica da madeira de uma árvore ( pelo menos a maioria delas ) é formada por “camadas” sobrepostas que se formam de acordo com as estações do ano. ( inverno e verão )

No inverno, onde a árvore precisa de uma proteção mais rigida para aguentar as interpéries do tempo é formado o que se chama de “Earlywood” (literalmente madeira nova), e a parte que se forma no verão de “Latewood” ( literalmente madeira antiga). A dureza dessas duas partes é diferente, e varia de acordo com a espécie ( geralmente se é conífera ou não).

Quando vc corta uma árvore ( com o propósito de usar em arco sem backing e sem ser laminado ), vc tem que dividir ela em “staves”.
Que são cortes paralelos de cima abaixo em formato “V”. As vezes, um único stave pode dar mais de 1 arco (dependendo do diámetro da stave)… MASS…. a parte de fora da árvore ( mais próxima da casca ) tem que ficar direcionada para a costa do arco ( backing ).

Repara em como seria uma divisão:

Cada uma dessas linhas que se passa de um lado ao outro ( growth ) é o que chamamos de “anéis de crescimento”.

Outra coisa que é interessante entrar na jogada, é o tal do “grain”.
Quando vc olha uma árvore, vc pode reparar que existe um outro “padrão de crescimento” que vai de baixo para cima… As vezes ele é realmente muito reto em algumas espécias:

já em outras, ele é curvo ou bem bagunçados:

O fato é: A casca da árvore sempre indica a direção do grain da madeira…
E para arco, como é de se imaginar, quanto mais retos melhor (mais fácil de trabalhar).

Dividindo então a árvore em staves e seguindo a direção do grain das árvores, teríamos a nossa divisão de madeiras potencialmente colhidas especificamente para arcos sem qualquer laminação:

E somente depois de toda essa explicação (ainda bem basica) é que podemos então definir o modo de se “esculpir” o arco sem backing nenhum.

Cada um daqueles “anéis de crescimento” demora 1 ano para se completar… e é a partir deles que o arco deve ser esculpido.
Se vc ao esculpir o arco violar 1 anel mais interno no lado do backing do arco, a flexão dele provavelmente fará levantar uma lasca ali naquele ponto.
Por isso é importante respeitar cada um deles… esculpindo dentro do “latewood” por toda a extensão do arco.
Dá pra fazer o arco sem respeitar isso? Dá… mas vai depender muito da madeira e da sua sorte.
Fazendo como deve ser feito, a chance de você ter um bom arco pra vida toda é muito grande. Caso contrário, pode durar 1 dia? 1 semana? 1 ano? não dá pra adivinhar.
O mais provável é que ele quebre ainda na fase de construção.

Seguindo esse modo de moldar o arco, não importa muito se ele tem “nós” na madeira, ou se ela é irregular…
É só uma questão de respeitar cada devida camada, que tudo se segura por sí só:

Fácil?

Claro que não… por isso nós, meros mortais, fazemos laminados e usamos alguma coisa pra proteger a madeira de se arrebentar sozinha.

Por hora é isso…

Abraço

Sair da versão mobile